22°
Máx
16°
Min

Dia Mundial sem Carro interdita ruas do centro de Londrina

(foto: Google Maps/Reprodução) - Dia Mundial sem Carro interdita ruas do centro
(foto: Google Maps/Reprodução)

De transporte coletivo, carona solidária, taxi, bicicleta ou mesmo a pé. Como você pode aderir? A ideia nesta quinta-feira (22), o Dia Mundial Sem Carro, é fazer parte deste movimento que propõe discutir a mobilidade urbana e o trânsito do futuro, com a crescente valorização do pedestre.

As alamedas Miguel Blasi, Manoel Ribas, travessas Padre Eugênio Herter e Padre Bernardo Greis, no entorno da Catedral, estão fechadas para o trânsito de veículos e estacionamento nas vias públicas. O bloqueio será mantido até as 18h.

Segundo Hemerson Pacheco, diretor de trânsito da CMTU, foram instaladas faixas nos locais, desde a semana passada, para alertar os motoristas, com antecedência. A ação também foi previamente discutida com a Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL), dentre outros setores, para a organização do evento. “A data é comemorada em outros municípios brasileiros e em outros países com o propósito de discutir as tendências dos transportes individuais e coletivos, convidando a população a fazer parte da mudança. Neste ano, Londrina registrou uma frota de mais de 383 mil veículos, segundo o Departamento Nacional de Trânsito. Considerando que a cidade tem cerca de 600 mil habitantes, por mais que se possa investir em planejamento viário, será necessário investir em novos hábitos; na cultura sobre a maneira como nos locomovemos”, diz Pacheco.

Em 2015, a campanha reuniu mais de cinco mil pessoas durante as atividades da data comemorativa, e a expectativa da CMTU é que a adesão seja crescente a cada ano. “Acreditamos que muitos motoristas irão fazer um esforço, assim como foi no ano passado. Se cada um conversar em casa para oferecer ou ir de carona, pegar ônibus, ir caminhando ou de outra forma que não utilize o carro num único período do dia, já será um começo”, incentiva Carlos Eduardo Ribeiro, coordenador de educação no trânsito da CMTU.

Vá de busão!

A linha Centro Livre, gratuita, estará circulando na região central e será o único veículo autorizado nas alamedas. Para o embarque, é necessário ter o cartão transporte com, no mínimo, um crédito apenas para leitura do dispositivo, sem desconto da passagem. Exceção: idosos (acima dos 65 anos, com apresentação do RG ou documento com foto), Guarda Municipal, Polícia Militar, funcionários dos Correios e agentes de endemias, devidamente uniformizados e identificados. Para fazer o cartão transporte, é necessário levar cópia do RG e CPF nas lojas de crédito da Quintino Bocaiúva (das 8h às 17h), no Shopping Royal Plaza (das 10h às 19h) ou no Terminal Central (das 7h às 19h),

De acordo com o gerente de transportes da CMTU, Wilson de Jesus, um único coletivo pode representar 60 carros a menos nas ruas da cidade e isso tem impacto, inclusive, no meio ambiente. “A linha atende quem está mais afastado do Calçadão e deseja ir pagar uma conta, almoçar ou fazer compras, por exemplo, sem a necessidade de ter que ficar procurando uma vaga para estacionar. Neste ano, atendendo as reivindicações de alguns usuários, ampliamos o itinerário até a avenida Higienópolis com a JK – antes ia somente até a rua Pará - para incentivar o uso e o fomento do comércio”, explica Wilson.

O ônibus da linha Centro Livre circula das 10h às 16h35, com volta completa num período médio de 25 minutos: saída na avenida Rio de Janeiro, em frente ao Museu Histórico, seguindo pela rua Benjamin Constant, avenida Duque de Caxias, ruas Sergipe, Minas Gerais, alameda Manoel Ribas e travessa Padre Eugênio Herter (ao lado da Praça da Bandeira), alameda Miguel Blasi, rua Pio XII, avenida Higienópolis (até rotatória do colégio Vicente Rijo), continuando pela avenida até a rua Goiás, rua Professor João Cândido, alameda Miguel Blasi, travessa Padre Bernardo Greis (ao lado do Bosque) até o ponto de partida, na avenida Rio de Janeiro.

Passeio Ciclístico

Para encerrar o Dia Mundial sem Carro, a CMTU e o Sesc Aeroporto organizaram um passeio ciclístico noturno. A concentração será às 19h30 em frente à Catedral, com saída programada às 20h. O percurso terá 20 km pela área central da cidade, recomendado para a família toda: da criança ao idoso.

(com informações da assessoria de imprensa da CMTU)