27°
Máx
13°
Min

Educadores de CMEIs de SPJ estão em frente à prefeitura

Servidoras se reúnem em frente da prefeitura (Foto: Sinsep/Divulgação) - Educadores de CMEIs de SPJ estão em frente à prefeitura
Servidoras se reúnem em frente da prefeitura (Foto: Sinsep/Divulgação)

Mais de 300 educadores se concentram em frente à Prefeitura de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, pedindo reconhecimento ao trabalho das profissionais do magistério nas atividades dos CMEI’s do município. Desde hoje (15) pela manhã, os centros de educação infantil estão com as portas fechadas. A primeira concentração ocorreu às 9h.  Sem retorno, os profissionais da educação voltaram a se reunir para buscar soluções.

Conforme informações do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de SJP a paralisação é de 80%. A reivindicação não é por salário, mas devido a reformulação que a administração pretende impor a partir deste ano letivo. Se antes uma turma mantinha duas profissionais para uma turma de 20 alunos, o pedido foi que cada educador fique responsável pela totalidade da turma. O atendimento às crianças de seis meses até 4 anos também deverá sofrer mudanças. Até então, era feito em turno integral e passaria para meio período. O município mantém 60 CMEIs com mais de 500 educadores/atendentes.  

Em nota, a Prefeitura de São José dos Pinhais esclarece que as unidades funcionam normalmente.  Em torno de 150 servidoras, entre educadoras e atendentes, não teriam comparecido.

Mais informações em instantes.