28°
Máx
17°
Min

Em ação de improbidade, MP acusa ex-prefeito de Colorado de fraude em licitação

Licitação realizada pela prefeitura teria sido direcionada (Foto: Google Street View) - Em ação de improbidade, MP acusa ex-prefeito de fraude em licitação
Licitação realizada pela prefeitura teria sido direcionada (Foto: Google Street View)

O Ministério Público entrou com uma ação civil pública em que acusa o ex-prefeito de Colorado Marcos Mello e outras nove pessoas de fraude em licitação. Na denúncia, que já foi recebida pelo Tribunal de Justiça, a 1ª Promotora pede a condenação por improbidade administrativa.

Segundo o Ministério Público, os réus direcionaram uma licitação de materiais de expediente, com o superfaturamento de até 180% nos preços. O município usou orçamento fornecido por duas empresas do mesmo dono como parâmetro para o certame, que não foi divulgado no Mural de Licitação do Tribunal de Contas do Estado, como determina a lei.

Para a Promotoria, a prefeitura fez uma divulgação discreta da licitação para não atrair concorrentes e direcionar o resultado. O Ministério Público ressaltou que há outras investigações em curso, pois os réus participaram de mais 16 licitações de material de expediente, também suspeitas de fraude.

A reportagem do Massa News não conseguiu contato com o ex-prefeito Marcos Mello. 

Colaboração MP-PR