26°
Máx
19°
Min

Em asilo de Icaraíma, MP encontra idosos em situação precária de higiene e aciona Justiça

Promotoria pede que famílias assumam cuidado (Foto: Pixabay) - Em asilo, MP encontra idosos em situação precária de higiene
Promotoria pede que famílias assumam cuidado (Foto: Pixabay)

Cinco pessoas estão sendo mantidas em um asilo de Icaraíma (a 68 quilômetros de Umuarama) em péssimas condições de higiene. O Ministério Público apontou o problema e ingressou com ações judiciais para resolvê-lo, após não conseguir acordo com os familiares dos velhinhos.

No asilo, a Promotoria encontrou irregularidades na gestão e organização, além das condições insalubres do espaço. Para garantir a integridade dos idosos, no caso dos que têm família, três ações civis foram ajuizadas para que os parentes assumam a responsabilidade pelo cuidado.

“Não há lei que exija dar amor. Mas há lei que exija o zelo, o cuidado com os seus. Se os familiares não cumprem suas obrigações de livre e espontânea vontade, cabe ao Judiciário impor o cumprimento de tais obrigações”, diz o Ministério Público.

Em relação as outras duas pessoas, a Promotoria tenta resolver administrativamente o caso de um atendido que não é idoso e outro que não possui família. O Ministério Público investiga a longa permanência dos atendidos no asilo e deve ajuizar uma ação própria para tentar a interdição do local, assim que seja resolvido o cuidado dos internos.

Colaboração MP-PR