22°
Máx
14°
Min

Em Maringá, aniversário da Polícia Militar será celebrado na praça da Catedral

Evento será nesta quarta-feira (Foto: PM-PR) - Aniversário da Polícia Militar será celebrado na praça da Catedral
Evento será nesta quarta-feira (Foto: PM-PR)

Em Maringá, pela primeira vez, a comemoração do aniversário da Polícia Militar do Paraná, que completa 162 anos, será realizada na praça da Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória. O evento acontece na próxima quarta-feira (10), às 9h30, e é aberto ao público.

As edições anteriores eram promovidas, tradicionalmente, no 4º Batalhão da Polícia Militar (4º BPM). De acordo com o capitão Ademir da Fonseca Junior, a mudança de local busca dar mais visibilidade, integrar a polícia com a comunidade e realçar a importância da data.

“Escolhemos a Catedral porque é um símbolo da cidade e da região, e a praça é um local de fácil acesso”, contou, com a expectativa de reunir grande público. Na ocasião estarão presentes a Polícia Militar, Ambiental, Rodoviária, Corpo de Bombeiros e 2ª Escola de Formação, Aperfeiçoamento e Especialização de Praças da Polícia Militar (2ª Esfaep).

Programação

A programação começa com o momento cívico, que incluirá o hino nacional e o hino da Polícia Militar. Em seguida será feita a entrega de medalhas de bronze, prata e ouro aos policiais militares que completam 10, 20 e 30 anos na corporação, respectivamente. Ao todo, 41 PMs receberão a homenagem.  

Durante a solenidade, outros oito policiais também ganharão menção honrosa ao mérito. A condecoração destaca tanto o desempenho profissional na atividade quanto a eficiência operacional, o acúmulo de conhecimento e a capacidade para solucionar conflitos.

Haverá a apresentação da orquestra da Unicesumar, leitura de boletim sobre os desafios atuais da corporação e bênção ecumênica. O evento será encerrado com desfile militar, dos alunos do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) e desfile motorizado com viaturas, carros do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) e caminhões de combate ao incêndio.

Colaboração Assessoria de Imprensa