28°
Máx
17°
Min

Em Ponta Grossa, 167 famílias foram afetadas por temporal

A coordenadoria da Defesa Civil de Ponta Grossa finalizou na tarde desta quarta-feira (13) o balanço dos estragos provocados pelo temporal que atingiu a cidade nesta terça-feira (12). Edson Witek, responsável pelo órgão na cidade, confirmou que 167 famílias foram afetadas pelo vendaval e pelo granizo que atingiu a cidade, prejudicando 670 pessoas. Foram distribuídos aproximadamente 1800 metros de lona para tentar minimizar os problemas enfrentados pelas vítimas.

As regiões mais atingidas, além do Distrito Industrial, foram a Vila Jamil, Jardim Vila Velha e a localidade de Roxo Roiz. “Estamos sem telhas de amianto porque nosso estoque já foi distribuído em outras ocorrências”, explica Witek. “Somente na Vila Jamil, onde o estrago foi maior, estamos precisando de 3915 telhas, estamos tentando dispensa de licitação para adquirir pela Prefeitura, mas ainda vai demorar um tempo”, completa, pedindo para que as pessoas que puderem fazer doações encaminhem os materiais à Defesa Civil.

Balanço detalhado dos estragos em Ponta Grossa:

  • Vila Jamil: 78 casas danificadas
  • Roxo Roiz: 25 casas
  • Jardim Vila Velha: 22 casas
  • Santa Maria: 20 casas
  • Santa Tereza: 17 casas
  • Vila Porto Seguro: três casas
  • Parque Auto Estrada: duas casas
  • Total: 167 residências danificadas, com 670 pessoas prejudicadas
  •  *A cidade não registrou desalojados ou desabrigados.