21°
Máx
17°
Min

Em um mês, Superbus transportou 93 mil passageiros em Londrina

(foto: Divulgação) - Em um mês, Superbus transportou 93 mil passageiros
(foto: Divulgação)

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) divulgou um balanço dos primeiros 30 dias de operação dos oito novos veículos do Superbus, sendo dois articulados e seis convencionais.

Em um mês, 93 mil usuários do transporte público andaram nos veículos, que fizeram 2,7 mil viagens no período.

Segundo a Companhia, a linha com maior demanda de passageiros é a 803 – Vivi Xavier/Shopping Catuaí, com 31.200 clientes. “Esse resultado era esperado pela característica diametral que a linha possui, ou seja, interliga uma região à outra da cidade sem a necessidade de passar pelo Terminal Central. Neste caso, a linha é utilizada, majoritariamente, por pessoas que residem na zona Norte e trabalham ou estudam na zona Sul”, explica Wilson de Jesus, gerente de transportes da CMTU.

Para a Companhia, a avaliação geral dos clientes tem sido satisfatória sob vários aspectos: modelo dos carros, design diferenciado, mais conforto, ar condicionado, dentre outros quesitos. Nas próximas semanas, a CMTU e as concessionárias aplicarão uma pesquisa dentro dos carros e nos terminais para quantificar e formalizar a opinião dos passageiros. A estimativa é concluir a análise até o final de agosto.

Nova linha

Lançada com os novos carros Superbus, a linha 318 – Av. Tiradentes/Av. Arthur Thomas, também tem apresentado bom desempenho. De acordo com a CMTU, ela é uma das mais ágeis do sistema, considerando o tráfego pelas faixas exclusivas nas avenidas Leste Oeste e Tiradentes em boa parte do percurso (7,2 km). A volta completa, com saída e retorno ao Terminal Central, dura 50 minutos.

Após um mês de operação, foram 34 viagens por dia, 884 no mês. Cerca de 680 passageiros utilizam a nova linha, diariamente, totalizando 17.550 no período entre 24 de junho e julho.

Atualmente, Londrina conta com 432 veículos do transporte coletivo, atendendo mais de 80 mil clientes por dia no perímetro urbano e também os distritos.

(com assessoria de imprensa da CMTU)