22°
Máx
17°
Min

Empresa é multada em R$ 2 milhões por não terminar Jardim Botânico de Londrina

(Foto: Sema/Arquivo) - Empresa é multada em R$ 2 milhões por  não terminar Jardim Botânico de Londrina
(Foto: Sema/Arquivo)

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística do Paraná multou em R$ 2 milhões a construtora e incorporadora Squadro, de Curitiba,  por não concluir a segunda fase da obra de construção do Jardim Botânico de Londrina. 

Segundo informações contidas no processo administrativo aberto pela Paraná Edificações, o atraso é de quase dois anos do prazo inicial previsto. No documento,  é citada ainda a “impossibilidade de utilização pública da obra” e o prejuízo causado ao estado do Paraná.

Além da multa correspondente a 20% do valor do contrato, a empresa terá suspenso por dois anos o direito de participar de licitações e contratos com entidades públicas.

As obras da segunda fase previam a construção de jardins temáticos, prédios para estufas, anfiteatro, auditório, restaurante e mirante.

O Jardim Botânico de Londrina foi aberto ao público em 31 de janeiro de 2014, seis anos depois do início da construção na área de mais de um milhão de metros quadrados de mata nativa.