22°
Máx
17°
Min

Empresa tem 20 dias para remover estrutura da ponte da Mábio Palhano

(foto: Mabio Palhano) - Empresa tem 20 dias para remover estrutura da ponte da Mábio Palhano
(foto: Mabio Palhano)

O secretário municipal de Obras e Pavimentação, Walmir Matos, assinou, na última quarta-feira (23), ordem de serviço para dar início ao trabalho de desmontagem e remoção cuidadosa da estrutura da ponte localizada sobre o Ribeirão Cafezal, na Rodovia Mábio Gonçalves Palhano, que foi prejudicada pelas fortes chuvas ocorridas em janeiro.

A empresa responsável pelo serviço é a Solum Demolições e Terraplanagem LTDA, contratada por meio de licitação. A empresa terá o prazo corrido de 20 dias para a execução do trabalho, contados a partir do recebimento da ordem de serviço. Embora o prazo para a conclusão do trabalho seja de 20 dias corridos, a Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação estima que o serviço possa ser concluído em uma semana. O investimento do Município será de R$ 290 mil.

 O secretário Walmir Matos explicou que, além da desmontagem e remoção, o trabalho compreende também a análise da estrutura que caiu sobre o Ribeirão. “Vamos cortar toda esta estrutura, com equipamento especial, retirando parte por parte. Na medida do possível, a intenção é retirarmos as peças de maneira mais intacta possível. Depois será feita uma perícia, para sabermos se é possível o reaproveitamento destas peças ou não”, disse. Segundo Matos, sendo possível, a ideia é reaproveitar estas peças, já que existe tecnologia para fazer o reaproveitamento.

A outra finalidade do trabalho é proporcionar, ao engenheiro perito, a conclusão do laudo técnico que avalia se os estragos foram provocados pelo fenômeno climático, ou por falha de projeto ou execução da obra. “Com isto, ele fecha o laudo e nós poderemos dar andamento na solução da reconstrução da ponte, inclusive, na busca de recursos, se necessário”, disse.

(com informações do Núcleo de Comunicação da Prefeitura de Londrina)