24°
Máx
17°
Min

Empresas fecham por 1h em protesto de apoio à Lava Jato

Empresários de Maringá fecharam as portas por 1h na manhã desta quarta-feira (23) em um protesto de apoio à Operação Lava Jato. Na Avenida Brasil, principal via comercial da cidade, a adesão foi de praticamente 100% das lojas assim como na Avenida Mandacaru.


Funcionários ficaram em frente aos estabelecimentos, com balões das cores da bandeira do Brasil e também cartazes. O protesto foi encabeçado pela Associação Comercial e Industrial de Maringá e outras entidades de classe, com o slogan “Fechar por 1h, para não fechar para sempre”.


A partir das 10h30, as construtoras também aderiram à paralisação no cruzamento das avenidas JK e São Paulo, Horácio Racanello com Pedro Taques, Gastão Vidigal e próximo ao Parque do Ingá. Ainda os shoppings Avenida Center e Maringá Park participaram da manifestação. 


O presidente da Acim, Marco Tadeu Barbosa, declarou que ficou surpreso com a grande adesão. "Isso mostra que o maringaense está preocupado com o país. A pauta de hoje é o impeachment já, o fim da corrupção, melhor gestão pública. A gente quer um país melhor", declarou. 


Colaboração: Willian Souza/Rede Massa