22°
Máx
16°
Min

Está liberada a construção em alvenaria na Ilha do Mel

(Foto: Arquivo ANPr) - Está liberada a construção em alvenaria na Ilha do Mel
(Foto: Arquivo ANPr)

Foi aprovada na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) a alteração na Lei de Ocupação da Ilha do Mel. Com a mudança, fica permitida a construção de moradias e estabelecimentos comerciais em alvenaria.

Está liberada apenas a construção em alvenaria no primeiro pavimento dos empreendimentos. Os autores da proposta, os deputados Rasca Rodrigues (PV) e Marcio Nunes (PSD), afirmam quer a liberação será feita de forma responsável e com contrapartidas que irão beneficiar a qualidade ambiental da ilha.

"Ajudamos a elaborar a Lei de Ocupação da Ilha do Mel de 2009, e agora percebemos que ela precisava de atualização, contribuindo dessa forma para o bem-estar da população local. As atuais moradias em madeira não oferecem um lar digno para aqueles que cuidam e trabalham para mantê-las bonitas e preservadas para receber bem os veranistas", disse Rasca Rodrigues.

A contrapartida será a a separação dos resíduos líquidos em duas fossas diferentes: uma do vaso sanitário e outra para as demais atividades na propriedade. Além disso, será permitida o uso de alvenaria e materiais naturais, como madeira de reflorestamento, de painel composto de fibra vegetal e madeiras com certificação de origem. Está autorizado ainda o uso de elementos vazados e materiais de elevada permeabilidade, desde que não prejudique a fauna.

Colaboração Assembleia Legislativa do Paraná