28°
Máx
17°
Min

Estudantes vão às ruas de Londrina em protesto contra mudanças no Ensino Médio

Estudantes secundaristas de Londrina foram às ruas do centro da cidade na manhã desta quarta-feira (5) em protesto contra a medida provisória que prevê reformas no Ensino Médio. A manifestação teve apoio de professores e funcionários das escolas.

A passeata percorreu o calçadão central e a avenida Higienópolis, chegando até o Colégio Estadual Vicente Rijo.

A União Paranaense dos Estudantes Secundaristas (Upes) marcou uma assembleia para a tarde de sexta-feira (7), onde pode definir até pelo início de uma greve estudantil.

Mudanças

De acordo com a medida provisória, as mudanças serão aplicadas gradativamente a partir de 2018. O tempo de estudo passaria de 800 para 1,4 mil horas por ano, com adoção de turno integral.

Haverá definição de uma base nacional comum curricular, a ser analisada pelo Conselho Nacional de Educação.  Ficariam obrigatórias as disciplinas de língua portuguesa, matemática, conhecimento do mundo físico e natural e da realidade social e política. O estudo da arte e educação física passa a ser opcional.

(colaborou Laís Cardoso/Rede Massa)