26°
Máx
19°
Min

Excesso de carga em motos traz instabilidade e causa acidentes

(Foto: Juliano Pedrozo/Arquivo Detran PR) - Excesso de carga em motos traz instabilidade e causa acidentes
(Foto: Juliano Pedrozo/Arquivo Detran PR)

Pilotar uma moto com excesso de peso traz sérios riscos à segurança no trânsito. Uma bagagem a mais pode fazer toda a diferença e colocar em perigo a vida do condutor, do passageiro e de outros motoristas. Por isso, a legislação proíbe o peso inadequado de carga, que causa o desequilíbrio da moto, além de reduzir a vida útil das peças, como freios e pneus. 

“O peso de bagagem e dos acessórios deve ser distribuído da maneira mais nivelada possível dos dois lados da motocicleta para minimizar uma possível instabilidade. É fundamental que o peso total do condutor, do passageiro, dos acessórios e da bagagem não exceda o limite máximo de carga”, orienta o diretor-geral do Departamento de Trânsito do Paraná, Marcos Traad.

Para reduzir o risco de acidente é necessário estar atento também à cilindrada da moto – quanto mais baixa ela for, menor é o peso suportado. Uma motocicleta de 50 cilindradas, por exemplo, suporta cerca de 90 quilos e uma moto de 100 a 150 cilindradas pode levar aproximadamente 166 quilos. 

“É importante verificar ainda se os acessórios e as bagagens estão firmemente presos na motocicleta, já que o deslocamento desses itens pode causar um desequilíbrio repentino e, consequentemente, um grave acidente”, complementa Traad.

Colaboração AENPr.