22°
Máx
14°
Min

Familiares fazem tumulto em pelotão da PM após prisão

(foto: PM/Divulgação) - Familiares fazem tumulto em pelotão da PM após prisão
(foto: PM/Divulgação)

Policiais militares de Jaguapitã receberam denúncia de tráfico de drogas no conjunto Mutirão 3, na noite de sábado (26). De acordo com a denúncia, uma dupla estava armada em uma Ecosport.

Ao abordarem o veículo na rua Francisco Bordin, foram identificados Jurandir da Silva dos Santos e Rogério Moreira Lopes, ambos com diversas passagens pela polícia.  Dentro do veículo, foi encontrado um revólver calibre 38.

Os dois foram detidos e deram trabalho aos policiais. Algemados, ambos deram chutes e cabeçadas na viatura, causando inclusive danos ao veículo, segundo a PM.

Jurandir e Rogério foram levados ao pelotão da PM em Jaguapitã. Rapidamente, familiares se aglomeraram no local e começar a gritar e xingar os policiais, além de bater nos portões do pelotão. Em um certo momento, 80 pessoas estavam reunidas, obrigando os policiais a pedir reforço do 15º Batalhão, de Rolândia.

Em meio à confusão, a polícia usou duas bombas de gás lacrimogêneo e 16 balas de borracha, armas não letais, para controlar a revolta.  Duas pessoas foram presas por desacato por ameaçar os policiais, dizendo que sabia onde eles moravam e iriam matar a família. 

Fotos e vídeos da confusão, registrados pelos policiais, foram anexadas ao inquérito da Polícia Civil.