28°
Máx
17°
Min

Fuga de cadeia teve auxílio de ‘preso de confiança’

Dois detentos seguem foragidos e a Polícia Civil investiga o paradeiro dos presos (Foto: Divulgação) - Fuga de cadeia teve auxílio de ‘preso de confiança’
Dois detentos seguem foragidos e a Polícia Civil investiga o paradeiro dos presos (Foto: Divulgação)

A fuga de presos da cadeia de Arapoti (135 quilômetros de Ponta Grossa), registrada na tarde da última quarta-feira (20), teve o auxílio de um ‘preso de confiança’. A informação foi confirmada pelo delegado Durval Athayde, que destacou também que o detento, que auxiliava nos serviços dentro da cadeia, foi preso em flagrante e teve os direitos suspensos.

Segundo a autoridade policial, o homem identificado apenas como Paulo estava preso há seis anos, e há dois auxiliava a polícia no atendimento aos outros detentos, fazendo a entrega de marmitas, por exemplo. O delegado destacou que ele era coagido pelos outros presos para que auxiliasse na fuga e chegou a receber ameaças de morte.

Após o fato ocorrido na quarta-feira, o detento resolveu confessar que ajudou os ‘companheiros’ de cela a escaparem e já deixou de trabalhar nas dependências da cadeia.

Detalhes da fuga

Segundo a Polícia Civil, quatro presos conseguiram sair das celas e ‘pularam’ sobre o investigador de plantão para tentar pegar a arma dele. Eles aproveitaram o momento em que as visitas saíam da cadeia para tentar imobilizar o policial. O policial não chegou a ser agredido e os presos não conseguiram ficar com a pistola.

Desses quatro detentos, um foi detido ainda dentro da delegacia e outro foi capturado a cerca de dois quilômetros da cadeia. Os outros dois seguem foragidos e a polícia investiga o caso.