27°
Máx
13°
Min

Fundação emite nota para esclarecer suspensão de cirurgias em Foz

Foto: Divulgação - Fundação emite nota para esclarecer suspensão de cirurgias
Foto: Divulgação

Uma nota de esclarecimentos foi divulgada hoje pela Fundação de Saúde de Foz do Iguaçu. Nela, a assessoria esclarece a polêmica sobre a suspensão de cirurgias eletivas, por conta da passagem da Tocha Olímpica na cidade.

Confira na íntegra:

A Fundação Municipal de Saúde de Foz do Iguaçu, por meio de sua Assessoria de Comunicação, esclarece que o plano de contingência para o evento da passagem da tocha olímpica pela região, divulgada pelos meios de comunicação, é uma medida interna da administração, dado os fatores considerados abaixo:

  • Considerando o Plano de Contingência do Comitê de Urgência e Emergência para o Evento de Passagem da Tocha Olímpica nos municípios em que o Hospital Municipal Padre Germano Lauck (HMPGL) é referência para atendimentos;
  • Considerando a Portaria 1139/2013 do Ministério da Saúde (MS) sobre eventos em massa;
  • Considerando a realidade de superlotação do HMPGL que tem realizado atendimento em média de 120% da sua capacidade;
  • Considerando que o HMPGL é Referência de atendimento para os municípios de Matelândia, Medianeira, São Miguel do Iguaçu, Santa Terezinha e Foz do Iguaçu, e que o evento será realizado em todos esses municípios;
  • Considerando que o HMPGL deve oferecer retaguarda de atendimento mínimo para todos esses municípios, participantes e público que acompanham o evento;
  • Considerando ainda que o HMPGL é referência para todos os municípios da 9ª Regional de Saúde;

 A Fundação Municipal de Saúde de Foz do Iguaçu suspendeu administrativamente as cirurgias eletivas até 01 de julho, retornando à normalidade imediatamente após essa data.

Cumpre-nos informar que essa medida administrativa já foi tomada por diversas vezes, em diferentes momentos, a fim de garantir os atendimentos de urgência e emergência no Hospital, e é ato meramente de Administração da Unidade.

A título de esclarecimento, reiteramos que as cirurgias eletivas são aquelas programadas, e que as cirurgias em situação de emergência (quando o paciente corre risco de vida) e urgência (quando o paciente apresenta um quadro grave e exige intervenção médica de imediato), permanecem sendo realizadas sem interferência, atendendo toda demanda em que o Hospital Municipal Padre Germano Lauck seja referência.

Colaboração: Assessoria de imprensa