21°
Máx
17°
Min

Geladeira 'recheada' de drogas e celulares é interceptada em delegacia

Agentes carcerários interceptaram uma geladeira ‘recheada’ de drogas e celulares na terça-feira (16), na delegacia de Goioerê, noroeste do Paraná. Foram apreendidos 300 gramas de maconha e 12 telefones. Devido ao flagrante, dois presos foram autuados por tráfico de drogas e introdução de objetos ilícitos em ambiente carcerário. Outros dois ainda estão sendo investigados.

A geladeira antiga dos presos quebrou e eles haviam requisitado a entrada de uma nova nas celas. Os agentes fizeram a inspeção de rotina e notaram algo estranho na espuma interna, onde estavam as drogas e celulares.

Segundo o delegado Silas Roque dos Santos, agora, os detentos estão sem geladeira, mesmo com o calor intenso que vem sendo registrado em Goioerê.

Superlotação

Problema crônico em todo o Brasil, a superlotação é observada também na delegacia de Goioerê. As celas têm capacidade para 34 presos, mas abrigam quase 90. O delegado Silas Roque dos Santos explica que é preciso ceder, como liberar o uso de geladeira pelos presos, para manter a segurança.

“Presos condenados e provisórios deveriam estar em estabelecimento penal adequado. Como não existem vagas suficientes, a delegacia acaba sendo transformada em ambiente carcerário. Para que haja o mínimo de dignidade para o preso que está cumprindo pena ou em execução provisória, muitas vezes, temos que flexibilizar”, contou.