20°
Máx
14°
Min

Greve dos servidores da educação de SJP entra no quinto dia

Pais estão sendo informados sobre a situação (Foto: Divulgação/Sinsep) - Greve dos servidores da educação de SJP entra no quinto dia
Pais estão sendo informados sobre a situação (Foto: Divulgação/Sinsep)

A greve dos servidores públicos municipais da educação infantil de São José dos Pinhais entra no quinto dia sem perspectiva de encerramento. De acordo com informações do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais de São José dos Pinhais (Sinsep), a categoria aguarda uma proposta da administração pública para solucionar a questão. “Não temos nenhuma proposta e nem mesmo aberta para negociação e dessa forma, não aceitamos encerrar o movimento”, relatou em nota o Sindicato.

Os servidores divulgaram ainda, que na próxima segunda-feira (22), às 9 horas, na Câmara de Vereadores, será realizada uma reunião pública sobre o assunto. A intenção é que a população participe. O Sinsep destacou que o prefeito deve ser convocado a participar, assim como os servidores de todos os Centros Municipais e Educação Infantil (Cmeis). O sindicato relato que desta forma, todas as unidades devem ser fechadas neste dia.

A reportagem entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de São José dos Pinhais, mas não teve retorno até o fechamento desta matéria.

Atualização às 12h33

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura de São José dos Pinhais relatou e nota que “mesmo com a greve de parte dos servidores, desde a segunda-feira (15) nenhum CMEI foi fechado”.

Também destaca que “com relação ao diálogo com a categoria, desde 2013 os representantes do servidores são sempre recebidos pela Administração, inclusive com pauta atendida nos quesitos que estão dentro da legalidade”.

A assessoria disse que a Prefeitura foi informada a respeito da assembleia que está marcada para segunda-feira na Câmara de Vereadores, mas não confirmou se estará presente, destacando, no entanto, que “a greve foi declarada ilegal Pelo Tribunal de Justiça em parecer do dia 15/2/2015”.

Colaboração Sinsep e Assessoria de Comunicação SJP