24°
Máx
17°
Min

Greve está suspensa, mas servidores esperam proposta

A greve dos servidores da educação infantil de São José dos Pinhais que foi deflagrada no dia 15 está suspensa até a próxima sexta-feira (26). A decisão foi tomada após a audiência pública realizada na manhã de ontem (22). Conforme o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sinsep), “a suspensão da paralisação é um voto de confiança, é uma prazo para que a administração apresente uma proposta”. Se não houver nenhuma proposta nesta prazo, a greve será retomada.

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura de São José dos Pinhais, por sua vez, afirma que “não há o que fazer no momento para atender o pedido dos servidores, uma vez que a solicitação foi considerada ilegal pela Justiça”.

Segundo a Assessoria, os servidores pedem a transposição de cargos, no qual o servidor iria de um cargo para o outro, sem passar por concurso ou processo seletivo; o cumprimento da Resolução n.º 02/2015 do Conselho Municipal de Educação e a regulamentação da hora atividade.

Sobre os cargos de Atendente de Creche (já em extinção) e Educador Social, o Prefeito Setim anunciou que a Administração finalizou e será encaminhado à Câmara de Vereadores, a proposta de criação do cargo de Educador Infantil e Orientador Social, bem como a extinção do cargo de Educador Social.

Já sobre a Resolução 02/2015, a Secretaria Municipal de Educação, trabalha para ajustar as turmas, pois todo o planejamento de trabalho da SEMED, para o ano letivo de 2016, foi concluído em outubro de 2015 e a Resolução 02/2015 foi publicada em dezembro de 2015.

Colaboração Sinsep e Assessoria Comunicação São José dos Pinhais