22°
Máx
17°
Min

GT Foods, empresa de Maringá, apresenta pedido de recuperação judicial

Empresa alegou aumento nos custos de produção (Foto: Divulgação) - GT Foods apresenta pedido de recuperação judicial
Empresa alegou aumento nos custos de produção (Foto: Divulgação)

O GT Foods, frigorífico de aves com sede em Maringá, anunciou que pediu recuperação judicial. O grupo está entre os dez maiores exportadores de carne de frango no Brasil.

Na nota divulgada pela empresa, a GT Foods declarou que a medida foi tomada em virtude do aumento dos custos de produção, em especial da soja e milho usados na alimentação das aves.

O grupo também usou como argumentos a recessão econômica, a retração no consumo e a análise do cenário político e econômico. Na nota, afirma que honrará com os compromissos assumidos, mas decidiu pedir a recuperação para auxiliar na manutenção dos colaboradores, produtores e parcerias.

A empresa nasceu em 1992 como Frangos Canção, criada por Rogério Martini Gonçalves e Ciliomar Tortola, que recentemente ganhou o prêmio de empresário do ano dado, dado pela Associação Comercial e Empresarial de Maringá e Federação das Indústrias do Paraná.

Nesta quinta-feira, o movimento era normal na empresa.

Comunicado oficial