24°
Máx
17°
Min

Guarapuava registra caso de zika vírus ‘importado’ do Rio de Janeiro

Foram encontradas larvas do mosquito da dengue em quatro bairros de Guarapuava (Foto: Reprodução/TV Guará) - Guarapuava registra caso de zika vírus ‘importado’ do Rio de Janeiro
Foram encontradas larvas do mosquito da dengue em quatro bairros de Guarapuava (Foto: Reprodução/TV Guará)

Agentes de endemias de Guarapuava percorrem vários bairros da cidade para conscientizar a população sobre os riscos de manter água parada em pneus e recipientes. As equipes encontraram quatro focos de dengue em visitas a residências em quatro bairros da cidade. As larvas do Aedes aegypti foram encontradas na Vila Carli, Parque das Árvores, Conradinho e Primavera.

Além do risco da dengue e da febre chikungunya, a cidade registrou seu primeiro caso suspeito de Zika Vírus. O diretor da 5ª Regional de Saúde, Márcio Brunsfeld, explica que o caso veio de fora da cidade. “Temos um caso importado, de uma pessoa que veio do Rio de Janeiro para passear em Guarapuava”, explica Brunsfeld. Ele garante que o paciente já foi tratado, medicado e até já voltou para sua terra natal.

Foram encontradas larvas do mosquito em quatro bairros da cidade

O monitoramento dos agentes foi reforçado, principalmente nos bairros em que os focos do mosquito foram encontrados. De agosto de 2015 o último boletim emitido pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), nesta terça-feira (2), o Paraná já registrou 3 mil casos confirmados de dengue, com cinco mortes. Em Guarapuava, não há registros de pessoas com a doença. A cidade conta com 23 agentes de endemia para orientar a população.

Com informações de Ângelo Neto.