20°
Máx
14°
Min

Higiene é fundamental para prevenir a gripe

(Foto: Arquivo ANPr) - Higiene é fundamental para prevenir a gripe
(Foto: Arquivo ANPr)

O hábito de lavar as mãos com água e sabão, cobrir a boca e o nariz ao espirrar e higienizar com álcool superfícies ou objetos que são compartilhados é fundamental para evitar a transmissão da gripe. A doença já matou 74 pessoas no Paraná.

A imunização contra a gripe, disponível na rede pública de saúde aos públicos prioritários - pessoas com mais de 60 anos, crianças de seis meses até menores de 5 anos, gestantes e mulheres que tiveram bebês há menos de 45 dias - também é considerada fundamental para prevenir a doença.

A chefe do Centro de Epidemiologia da Secretaria da Saúde, Júlia Cordellini, ainda destaca que identificar corretamente os sintomas da doença podem ajudar na eficácia do tratamento. “O resfriado não costuma trazer tantos riscos como a gripe. Os sintomas da gripe são mais intensos e, na maioria das vezes, inviabiliza a realização de atividades diárias”, explica.

A saúde estadual segue o protocolo elaborado em conjunto com o Ministério da Saúde de ministrar o antiviral Oseltamivir logo no início dos sintomas da gripe. O medicamento é disponibilizado gratuitamente para toda a população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). 

“Nossa orientação é que ele seja receitado a todos os casos suspeitos da doença, mesmo sem a confirmação laboratorial. O medicamento é mais eficaz nas primeiras 48 horas do quadro gripal, principalmente quando o paciente apresenta dificuldade para respirar”, ressalta Julia.

Conheça os  sintomas

  • Gripe: febre alta, acima de 38°C, e com início repentino; tosse persistente; dores musculares intensas e dificuldade para respirar. A gripe pode evoluir rapidamente para pneumonia e infecções pulmonares, em especial em grupos mais vulneráveis.
  • Resfriado: febre baixa (quando ocorre), tosse leve, dores musculares fracas, congestão nasal e dor de garganta. A disposição não é prejudicada.

Colaboração Agência de Notícias do Paraná