24°
Máx
17°
Min

Homem se passa por PM para aplicar golpes em comerciantes

O 21º Batalhão de Polícia Militar de Francisco Beltrão emitiu uma nota nesta terça-feira (14) informando que não está arrecadando fundos para uma campanha de trânsito. Somente hoje pela manhã, a PM recebeu duas denúncias de comerciantes de Francisco Beltrão que entraram em contato perguntando sobre o fato, mas nem a Associação dos PMs de Francisco Beltrão, nem a de Pato Branco, estão realizando campanhas deste tipo.

Uma pessoa que se identifica como policial militar Ezequiel solicita R$ 200 dizendo que o dinheiro será utilizado em uma campanha de trânsito. A PM esclarece que essa pessoa não é policial e muito menos utiliza o valor arrecado em ações de segurança pública. “Por isso a PM divulga esta nota de esclarecimento e está trabalhando para identificar e prender o suspeito que, em princípio, pode ser enquadrado nos crimes de estelionato e falsidade ideológica”, esclarece o comunicado emitido pelo Batalhão.

A PM afirma ainda que já foram registrados boletins de ocorrência contra a mesma pessoa, que também já agiu em outras cidades como Ampére e Realeza. O suspeito que se diz policial age em nome de associações de PMs. Caso algum comerciante seja visitado por esta pessoa, deve entrar em contato via 190 ou com o próprio presidente da PM-Sul, Adans Brizola, para que ele seja encaminhado até a delegacia.

Colaboração Romeu Junior, da Rede Massa.