22°
Máx
17°
Min

Hospital do Câncer é inaugurado como polo médico do noroeste

Hospital do Câncer é inaugurado como polo médico do noroeste

O Hospital do Câncer de Umuarama foi inaugurado nesta sexta-feira (4), com mais de 300 leitos. Ele será polo de atendimento para cerca de cem cidades, em uma área com 1,2 milhão de pessoas, especialmente do noroeste do Paraná e Mato Grosso do Sul. A inauguração contou com a presença do secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior, do secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto, do prefeito de Umuarama, Moacir Silva, e do governador Beto Richa.

Foram investidos mais de R$ 50 milhões no Hospital do Câncer, com R$ 14 milhões do governo do Estado, R$ 11 milhões do governo federal e o restante entre doações e contribuições da iniciativa privada. O governador Beto Richa informou que, por meio de uma parceria com a Secretaria de Estado da Saúde, o Hospital do Câncer também será Hospital Regional, com atendimentos de diversas especialidades.

O hospital inicialmente foi projetado com 8 mil m² e passou a 18 mil m² com a proposta de atendimentos do Sistema Único de Saúde em várias especialidades. O secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior, declarou que a criação do hospital vai facilitar o acesso de pacientes com câncer ao tratamento e realçar Umuarama como polo médico.

O presidente da União Oeste Paranaense de Estudos e Combate ao Câncer (Uopeccan), entidade que vai comandar o hospital, Ciro Kreuz, disse que o número de atendimentos vai chegar a 900 diários, com 700 funcionários, em um ano. De início, serão 150 atendimentos por dia com 200 profissionais em atuação.

Os trabalhos no Hospital do Câncer começam na segunda-feira (7).

Colaborou: Alex Miranda/Rede Massa