28°
Máx
17°
Min

Indígena é encontrada morta e com sinais de violência sexual

Mulher de 34 anos foi encontrada às margens da rodovia BR-277 e IML aponta morte por agressão física (Foto: Blog Olho Aberto) - Indígena é encontrada morta e com sinais de violência sexual
Mulher de 34 anos foi encontrada às margens da rodovia BR-277 e IML aponta morte por agressão física (Foto: Blog Olho Aberto)

Moradores da cidade de Nova Laranjeiras (150 quilômetros de Guarapuava) estão chocados com um crime bárbaro registrado nesta quinta-feira (18) no município. Catarina Niceri Cordeiro, de 34 anos, moradora de uma aldeia indígena, foi encontrada morta e com sinais de violência sexual. A vítima, que não teve a identidade revelada, morava na aldeia Trevo, na zona rural da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima morava com as irmãs e, segundo foi levantado no local do crime, ela foi arrastada por cerca de 20 metros. O corpo foi achado por moradores da comunidade nas primeiras horas da manhã e estava sujo de barro, já que havia chovido bastante durante a madrugada.

Segundo informado pelas autoridades policiais, ela não estava com as roupas de baixo, usava apenas camiseta e sutiã, o que levanta a hipótese de que ela tenha sofrido violência sexual antes de ser morta. Informações preliminares levantadas pelo Instituto Médico Legal (IML) de Cascavel indicam que a vítima foi morta por agressão. A Polícia Civil aguarda o laudo para investigar o caso, mas já levanta as informações e procura testemunhas do crime.