27°
Máx
13°
Min

Irregularidades fazem prefeitura de Tibagi cancelar concurso público

(foto: WhatsApp/Divulgação) - Irregularidades fazem prefeitura cancelar concurso público
(foto: WhatsApp/Divulgação)

A Prefeitura de Tibagi decidiu cancelar o concurso público que contrataria 33 servidores em diversas áreas. 

As provas, aplicadas na manhã deste domingo (10) pela empresa Oppus Concursos Públicos, de Maringá, continham diversas irregularidades. Em alguns casos, as provas foram trocadas, com o candidato recebendo um teste que não correspondia ao seu cargo.

Além disso, por volta das 9h15, portanto menos de uma hora antes do início das provas, fotos dos cadernos de questões já circulavam pela internet, comprovando a fragilidade na aplicação do processo seletivo. 



 Segundo comunicado emitido pela prefeitura de Tibagi, a decisão do cancelamento foi tomada depois que a procuradoria jurídica do município registrou boletim de ocorrência contra a Oppus por conta dos problemas no concurso.

Nesta segunda-feira (11), serão informados os procedimentos necessários para o ressarcimento dos valores referentes à inscrição paga pelos candidatos, que variam de R$ 50 a R$ 120.

Na página da prefeitura de Tibagi, diversos candidatos demonstraram revolta por conta do cancelamento, principalmente pessoas que vieram de fora para prestar o concurso. "Essa empresa tem que ser punida por isso, por brincar com tanta gente interessada em trabalhar.  É um roubo pra nós todos", escreveu uma internauta.  "Tantas pessoas que passaram o ano passado e mais parte deste ano estudando, frustração total", publicou outra.