28°
Máx
17°
Min

Jardim Jupira vive em clima de ‘guerra’ na fronteira

Um bairro em guerra. O Jardim Jupira vive atualmente um dos piores momentos da história. Em menos de 20 dias foram dois ataques à Polícia Militar, uma morte e três pessoas baleadas. Os casos são investigados pela polícia, mas a onda de criminalidade parece não ter fim.

21 de fevereiro

Gamaliel Ferreira da Silva, o ‘tio Gama’, levou um tiro no peito, foi socorrido, mas morreu no hospital. O suspeito pela morte foi preso 24 horas depois do crime. Willian Marcos de Oliveira disse que matou por legítima defesa.

23 de fevereiro

Policiais foram recebidos a tiros no Jaridm Jupira. Mesmo diante do perigo, militares e guardas municipais fizeram uma varredura no bairro, na tentativa de encontrar os atiradores.

Durante as buscas, dois homens acabaram presos. Eles estavam armados e com coletes à prova de balas. Um terceiro rapaz foi detido, suspeito de ter participado do confronto.

05 de março

Novamente uma equipe da polícia é recebida a tiros na comunidade, conhecida popularmente como Favela do Bolo. Ninguém foi preso, mas o armamento utilizado pelos criminosos foi apreendido. Uma espingarda calibre 12 e munições.

08 de março

Uma criança de 10 anos de idade foi atingida por um tiro. Além do menino, outros dois homens também foram baleados.

Emerson Rimaldi, 19 anos levou dois tiros e precisou ser socorrido pelo Siate. Jairo de Quadros, 23 anos também foi atingido por disparos de arma de fogo.

A guerra vivida na comunidade do bolo é investigada pela Polícia Civil. A principal linha é que esses crimes estejam ligados ao contrabando.

Diante desse cenário de violência vivido no bairro e dos constantes ataques à polícia, uma preocupação vem à tona: Será que os criminosos estão com mais armas do que os órgãos se segurança que atuam na fronteira? Ou perderam o medo?

A resposta ninguém sabe. Mas uma coisa fica clara. Nessa guerra, pessoas inocentes já começam a ser atingidas.

Colaboração: Márcio Falcão, Volnei Bones, Juliano Jaques, Gilmar Francisco e Ivair Basse / Rede Massa