27°
Máx
13°
Min

Lago de Olarias recebe R$ 3 milhões da Klabin

(Foto: Divulgação) - Lago de Olarias recebe R$ 3 milhões da Klabin
(Foto: Divulgação)

Representantes do Instituto Ambiental do Paraná e da empresa Klabin estiveram na Prefeitura Municipal de Ponta Grossa para assinar um termo de compromisso de compensação ambiental onde a empresa vai investir R$ 3 milhões e 80 mil reais de reais em Ponta Grossa. O dinheiro será utilizado pela administração municipal na execução das obras do Lago de Olarias.

O dinheiro repassado pelo IAP será utilizado em uma nova fase, que inclui a remoção completa da camada de vegetação, e também de uma porção da terra que será substituída por uma camada de terra argilosa servindo de selante para fazer o fundo do lago. As obras do Lago de Olarias foram retomadas no início de 2014 pela Agência Reguladora de Águas e Saneamento (ARAS).

A partir de uma nova licitação será feita, ainda, a colocação de contenções com muros de pedra no entorno do lago e a abertura de canais. Nas próximas etapas também será construído um parque no entorno do lago com área de preservação ambiental, pista de caminhada e mirantes.

Júlio Cesar Batista, gerente ambiental da Klabin, destaca que é gratificante conhecer a maneira como será empregado o recurso destinado pela empresa. “O uso dessa verba será materializado de uma maneira bastante nobre que vai favorecer toda a população. Se todas as cidades tivessem a preocupação ambiental que está sendo levada aqui, a vida das pessoas teria mais qualidade”, conta o gerente.

O Prefeito Marcelo Rangel salienta a importância da reativação da Secretaria de Meio Ambiente e da ARAS no início da gestão para a consolidação das obras do Lago e do Parque de Olarias. “Essa parceria é a consolidação de algo muito importante para a cidade e que vai impactar positivamente na vida da população”, conta o Prefeito.

Licenciamento Ambiental

Além de assinar o documento, que firma a parceria para transmissão do recurso de compensação ambiental, também foi programada para os próximos dias a participação do IAP, a delegação oficial para a Secretaria Municipal do Meio Ambiente fazer o licenciamento ambiental para as empresas de Ponta Grossa.

O presidente do Instituto Ambiental do Paraná, Luiz Tarcísio Mossato Pinto, ressalta que a cidade está avançada em qualidade ambiental. “Além desta conquista para o avanço nas obras do Lago de Olarias, a cidade está na frente como município licenciador. A cidade está capacitada para agilizar a concessão de licenciamentos ambientais, o que também vai auxiliar no desenvolvimento industrial”.

Colaboração Assessoria de Imprensa.