28°
Máx
17°
Min

Laudo aponta que caminhoneiro foi executado com 30 tiros

(Foto: Grupo Itapuã Notícias) - Laudo aponta que caminhoneiro foi executado com 30 tiros
(Foto: Grupo Itapuã Notícias)

A Polícia Civil de Pato Branco continua trabalhando para elucidar o crime registrado no início da manhã desta segunda-feira (21) no pátio de um posto de combustíveis às margens da PR-280. O caminhoneiro Clodoaldo Coan, 47 anos, foi morto a tiros dentro do veículo. A investigação está sendo coordenada pelo delegado Alexander Meurer, adjunto da 5ª SDP.

Poucas informações foram divulgadas até o momento pela polícia em relação a investigação. No entanto, o Instituto Médico-Legal (IML) confirmou que o caminhoneiro foi atingido por trinta tiros. Também foi constatado que os bandidos efetuaram 91 disparos, sendo 30 de fuzil calibre 556 e o restante de pistola calibre 9mm. Possivelmente os primeiros tiros atingiram a vítima ainda enquanto ela dormia. A polícia também confirmou que o carro incendiado pelos executores do caminhoneiro, um Golf com placas de Irati, não tem registro de furto.

Colaboração portal RBJ.