22°
Máx
16°
Min

Mais alunos aderem à ocupação do Colégio Estadual Gerardo Braga em Maringá

A ocupação do Colégio Estadual Gerardo Braga, em Maringá, ganhou um reforço nesta sexta-feira (20). Alunos da Escola Estadual Adaile Maria Leite, localizada no Centro da cidade, caminharam cerca de dez quilômetros até a Avenida 19 de Dezembro e reforçaram a mobilização.

Na manhã desta sexta-feira, estudantes do Colégio Estadual Presidente Kennedy, na Avenida Mandacaru, ainda paralisaram as atividades em apoio aos que ocupam o Gerardo Braga. O protesto está em seu terceiro dia e tem a melhoria da merenda escolar como principal pauta.

Entre abril e este mês de maio, atrasos na entrega de alimentos foram registrados em Maringá e região. Em alguns colégios, campanhas de arrecadação de alimentos foram feitas para garantir a refeição aos alunos.

A entrega aconteceu neste mês de maio, porém, os alunos reclamam da qualidade. Visando também outras melhorias, um grande protesto de estudantes aconteceu na quarta-feira (18), com uma passeata que terminou com a ocupação do Colégio Estadual Gerardo Braga.

Posicionamento do governo

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) informou que a entrega de alimentos foi feita na semana passada a 94 escolas de Maringá e região. Segundo o órgão, os produtos passam por rigoroso controle de qualidade antes de serem encaminhados.

"Desde a ocupação do colégio José Gerardo Braga, na quarta-feira, o Núcleo Regional de Educação (NRE) de Maringá e a direção da escola mantêm diálogo constante com os alunos e continuam acompanhando a situação no colégio. O Núcleo encaminhou ontem (quinta-feira) ofícios ao Ministério Público e ao Conselho Tutelar (na Zona Norte e na Zona Sul da cidade) relatando o caso. Em relação à merenda, a Secretaria de Estado da Educação reitera que no dia da ocupação (18), os estoques na despensa no colégio incluíam carne (bovina e frango), polpa de frutas, biscoitos, mistura em pó para bolos, conservas, compostos lácteos, cereais, arroz, açúcar, sal, sucos, chá mate, farinha, entre outros. Ao todo, eram 912 quilos de alimentos, de 42 gêneros. Em média, esse volume de alimentos dura para cerca de vinte dias."

Colaboração Willian Souza da Rede Massa