27°
Máx
13°
Min

Mais de 200 pessoas passam por mutirão da Catarata no Hospital Municipal

Mais de 200 pessoas passaram pelo mutirão da Catarata, em Foz do Iguaçu, nesse fim de semana. A fila era grande no Hospital Municipal, mas o procedimento bastante rápido e eficaz.

Esta é a segunda vez que o hospital realiza os procedimentos. No primeiro mutirão, nos dias 11 e 12 de junho, 179 pacientes passaram pela cirurgia.

A Catarata é uma doença que pode evoluir para uma cegueira total. Ela é caracterizada pela opacidade do cristalino, a lente natural do globo ocular. A capacidade da pessoa focalizar é diminuída progressivamente com o passar do tempo, diminuindo a visão.

Antes da cirurgia os pacientes passaram por uma avaliação. Maria Helena, há 30 anos não enxergava bem e foi uma das contempladas com o procedimento.

Há 30 anos ela esperava para voltar a enxergar (Foto: Márcio Falcão)Há 30 anos ela esperava para voltar a enxergar (Foto: Márcio Falcão) 

“A maior esperança que eu tinha era voltar a enxergar bem para ver meus netos, bisnetos e os futuros tataranetos”, disse a mulher de 72 anos.

O mutirão é possível graças a uma parceria do Hospital Municipal, 9ª Regional de Saúde e Secretaria Municipal de Saúde. Depois de passarem pelo procedimento, os pacientes receberam as orientações do médico e devem voltar para uma reconsulta em 30 dias.

Colaboração: Márcio Falcão / Rede Massa