21°
Máx
17°
Min

Médicos da UPA ameaçam entrar em greve a partir do dia 6

(Foto: Divulgação) - Médicos da UPA ameaçam entrar em greve a partir do dia 6
(Foto: Divulgação)

Sem receber desde abril, os médicos que trabalham na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Santa Paula, em Ponta Grossa, ameaçam cruzar os braços a partir da próxima segunda-feira (6). A informação foi repassada pelo vereador Daniel Milla (PV), que divulgou em suas redes sociais uma cópia do documento enviado pelos médicos ao Conselho Regional de Medicina do Paraná.

No documento, os médicos afirmam que estão sem receber “o pagamento dos honorários médicos dos plantonistas da UPA Santa Paula referentes ao mês de abril” e colocaram o próximo dia 6 como a data limite para que o pagamento seja feito. “(…) o não pagamento dos honorários (…) implicará cessação do atendimento médico (de pacientes classificados como ‘azul’ e ‘verde’), salvo situações de risco iminente à vida, urgência e emergência, conforme ampara o Código de Ética Médica”.

Os médicos ressaltam ainda que a decisão também foi comunicada à direção executiva da UPA e que a nova data foi fixada “uma vez que o mesmo [pagamento] não foi realizado, conforme ofício datado de 25 de maio de 2016”.

Outro lado

Por meio da assessoria de imprensa, a Prefeitura informou, em nota, que "As Secretarias de Saúde e Gestão Financeira informam que não haverá paralisação. As mesmas estão viabilizando o pagamento para a segunda semana deste mês, conforme acordado com o Instituo Nacional de Desenvolvimento Humano, administrador da Unidade de Pronto Atendimento (UPA)".