21°
Máx
17°
Min

Ministério Público do Paraná lança “Campanha do Agasalho 2016”

(Foto: Divulgação/MP-PR) - Ministério Público do Paraná lança “Campanha do Agasalho 2016”
(Foto: Divulgação/MP-PR)

O inverno ainda não começou oficialmente, mas o frio já vem marcando presença e atinge com maior força pessoas em situação de rua. E, para atender esse público, o Ministério Público do Paraná, promove a “Campanha do Agasalho 2016”, que pretende arrecadar, entre os integrantes da Instituição, roupas, agasalhos e cobertores a serem entregues a entidades beneficentes. A ação ocorre de 16 de maio a 29 de julho.

A campanha terá duração de dois meses e será desenvolvida, inicialmente, em onze comarcas: Curitiba, Cascavel, Londrina, Francisco Beltrão, Paranavaí, Ponta Grossa, Apucarana, Arapongas, Umuarama, Campo Mourão e União da Vitória. A partir da próxima semana, os pontos de arrecadação já estarão identificados na sede, subsedes e unidades da capital, bem como nas Promotorias de Justiça das comarcas participantes.

No ano passado, a campanha arrecadou 6.308 peças em todo o Estado, entre cobertores, agasalhos, calçados, meias e acessórios de inverno. Em Curitiba também foram feitas doações em dinheiro: um total de R$ 10.467,38, empregados na compra de 700 cobertores, 459 pares de meias e 94 peças íntimas.

Destinação

Os materiais arrecadados serão destinados a entidades escolhidas pelos coordenadores da campanha em cada comarca, para distribuição a pessoas carentes, residentes no Paraná. Em Curitiba, a instituição beneficiada será a Casa de Acolhida São José, que atende a população em situação de rua. Embora não seja possível precisar o número de pessoas vivendo nas ruas da capital, pelo fato de se tratar de uma população variável, é certo que esse universo é grande. Ainda em 2008, eram 2.776 pessoas em situação de rua em Curitiba, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Mas o Movimento Nacional da População de Rua estima que, atualmente, o número tenha quase dobrado.

Colaboração MP-PR