26°
Máx
19°
Min

Moradores cobram prefeitura de novo sobre Centro Cultural na Cidade Industrial de Curitiba

(Foto: Colaboração) - Moradores cobram prefeitura de novo sobre Centro Cultural na CIC
(Foto: Colaboração)

Moradores da Vila Nossa Senhora da Luz, na Cidade Industrial de Curitiba, voltaram a reclamar sobre as condições das instalações do Centro Cultural da localidade, que está com as obras paralisadas. Um deles postou nesta semana um vídeo nas redes sociais mostrando a enorme quantidade de lixo dentro da estrutura, indicando que o espaço vem sendo ocupado por moradores de rua e usuários de drogas. Há ainda colchões e uma grande quantidade de roupas pelo chão.

No vídeo, os moradores citam que foi solicitada uma providência para a Regional da CIC da Prefeitura de Curitiba quanto à esta ocupação irregular do Centro Cultural. Quem mora na região reclama também das consequências relacionadas ao trânsito destes moradores de rua e usuários de drogas no local e também dos riscos à saúde, com a quantidade de lixo exposta e o mato que se acumula por ali.

Reprodução do trecho do vídeo que mostra os indícios de ocupação no local (Foto: Reprodução)Reprodução do trecho do vídeo que mostra os indícios de ocupação no local (Foto: Reprodução) 

A situação do Centro Cultural Nossa Multiuso Nossa Senhora da Luz já foi tema de reportagem do Massa News, em junho deste ano. Na ocasião, foi exposto o abandono da estrutura, que foi levantada para atender a demanda de capacitação, entretenimento e cultura da população local. No entanto, as obras foram abandonadas.

Segundo a prefeitura de Curitiba, os trabalhos foram paralisados porque a construtora responsável pela obra. A administração municipal não informou os motivos. Conforme posição enviada pela assessoria de imprensa, está sendo realizado um novo processo de licitação com orçamento atualizado. A expectativa é de que obras sejam retomadas em 2017.

Enquanto isto, os moradores precisam conviver com a estrutura negligenciada. O projeto para a construção do Centro Cultural Nossa Multiuso Nossa Senhora da Luz é de 2010 e, dois anos depois, foram liberados recursos de R$ 2,1 milhões para a construção. O espaço ficou abandonado durante a atual gestão, sem que os moradores tenham recebido uma solução para o caso.

(Foto: Colaboração)(Foto: Colaboração)