22°
Máx
14°
Min

Moradores do bairro Bacacheri reivindicam sinalização em cruzamento

Moradores reivindicam à prefeitura sinalização em cruzamento

Moradores do bairro Bacacheri, em Curitiba, realizam na manhã desta terça-feira (13) um protesto na esquina da Avenida Francisco M. Alzibu e a rua Desembargador Manoel de Lacerda Pinto. Eles bloquearam uma ponte no local com pneus e galhos.

Os manifestantes reivindicam a instalação de sinalização no cruzamento, que tem sido cenário de uma série de acidentes. De acordo com os moradores, placas indicando as preferenciais podem fazer uma enorme diferença no local.

Eles contam que recentemente foram feitas rotatórias neste trecho, mas faltou as sinalizações horizontal e vertical (no asfalto e as placas). Danya Crystina Eckermann, 55 anos, que mora do bairro há 12 anos, diz que acontecem acidentes quase todos os dias por falta de sinalização. O últimos deles ocorreu no domingo (11), quando um carro quase caiu no rio Bacacheri, que corre paralelo à via.

Viviane Eckermann, moradora do bairro há mais de 20 anos, afirma que está com dois carros batidos. “Nós fomos atingidos na saída de casa e depois indo para a rotatória. Precisamos de sinalização, pois está muito perigoso. De manhã, os pedestres demoram até 10 minutos para atravessar a rua”, relata.

A única placa existente no cruzamento é quanto à proibição de circulação de veículos acima de 10 toneladas. Os moradores prometem uma nova manifestação se a sinalização não for instalada até a próxima sexta-feira (16).

A reportagem do Massa News já fez contato com a Prefeitura de Curitiba e aguarda uma posição sobre o caso.

Atualização

A Prefeitura de Curitiba informou, via assessoria de imprensa, que um técnico da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) está no local para avaliar as reivindicações dos manifestantes. Ainda segundo a administração municipal, as intervenções serão realizadas com prioridade.