22°
Máx
14°
Min

Moradores promovem manifestação por 'falta de médicos' na Unidade Básica de Saúde de Araucária

Em torno de 80 pessoas participaram da manifestação (Foto: Araucária no Ar) - Moradores se manifestam por falta de médico em Unidade Básica de Saúde
Em torno de 80 pessoas participaram da manifestação (Foto: Araucária no Ar)

Na manhã desta sexta-feira (8), os moradores que utilizam a Unidade Básica de Saúde do Jardim Industrial, em Araucária, fizeram uma manifestação em frente ao local.

De acordo com o morador da região, Denislon Carlos Bernardino, a manifestação aconteceu por falta de médicos. “O pessoal chegou aqui e simplesmente foi avisado de que não teria nenhum médico. Tinha gente com consulta marcada há tempos, e que não foi atendido”, diz ele. 

Ainda de acordo com Denilson, “em torno de 80 pessoas participaram da ação que começou às 5h30 da manhã”. “A prefeitura veio até o local e explicou que os médicos foram dispensados por falta de recursos. Antes nós tínhamos quatro profissionais, mas ao chegar na manhã de hoje, não havia nenhum. Os manifestantes fecharam a rua e bloquearam o trânsito, mas foi tudo pacífico”.


(Foto: Araucária no Ar)(Foto: Araucária no Ar) 


A manifestação começou a se dissipar por volta do meio-dia. A Polícia Militar foi chamada para dar apoio, e afirmou que não houve tumulto.

A equipe de reportagem da Massa News entrou em contato com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Araucária, que ficou de se posicionar sobre o ocorrido, o que não aconteceu até o fechamento desta matéria.


Atualização

Em nota, a Prefeitura Municipal de Araucária se manifestou sobre o assunto. Confira na íntegra: 

"Nota de esclarecimento 

A Prefeitura de Araucária vem a público esclarecer que: 

A saída de médicos plantonistas/horistas das unidades básicas deSaúde do município deve-se ao cumprimento de uma decisão legal do MinistérioPúblico, não cabendo a administração outra medida fora acatar a determinação. 

Pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), devido a brusca quedade arrecadação dos cofres públicos, o município também teve que reduzir osgastos com horas-extras e isso, infelizmente, já tem impacto em todas as áreasda administração, inclusive na Saúde. 

A Prefeitura já está buscando autorização junto à Justiça paracontratação de novos médicos por meio de Processo Simples Simplificado (PSS) edesta forma assegurar o bom atendimento à população. 

Por fim, a prefeitura lamenta a politização dos fatos por meiode sindicatos descompromissados com o bem-estar da população, assim como defiguras políticas locais que tentam tirar proveito de um momento dedificuldades. 

A população de Araucária terá o serviço de saúde assegurado,como sempre teve e todos os esforços estão sendo feitos para que novas medidas que beneficiem a população sejam adotadas. O momento é de crise financeira em todo o país e Araucária também sofre os efeitos desta dura realidade. "


Colaboração Daniela Borsuk/Araucária no Ar