23°
Máx
12°
Min

Morto em confronto com a PM era foragido da Justiça gaúcha

(Foto: Divulgação / RSN) - Morto em confronto com a PM era foragido da Justiça gaúcha
(Foto: Divulgação / RSN)

O homem que morreu em um confronto com a Polícia Militar nesta segunda-feira (6) em Foz do Jordão, a 98 quilômetros de Guarapuava, era foragido da Justiça do Rio Grande do Sul. O confronto teve início quando a Polícia Militar foi até uma residência no bairro Segredo para cumprir dois mandados de prisão.

Um homem de 33 anos identificado como Valmir Sebastião Ferreira tentou fugir da abordagem e atirou contra os policiais. No confronto, ele foi atingido e morreu ainda no local. Outro suspeito também sacou um revólver calibre 38 e atirou contra a PM e foi baleado no pescoço. Ele foi socorrido e levado até um hospital para receber atendimento médico. Além dos dois baleados, quatro homens e uma mulher também foram detidos e encaminhados até a 14ª Subdivisão Policial (14ª SDP).

De acordo com a Polícia Militar, o morto era foragido do sistema penitenciário do Rio Grande do Sul. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava. Na residência, os policiais encontraram munições calibre .380, maconha e o motor de um Logus que havia sido furtado.

Colaboração Rede Sul de Notícias.