20°
Máx
14°
Min

Mulher confessa à polícia que asfixiou bebê e o jogou na lixeira

(Foto: Márcio Barros/Rede Massa) - Mulher confessa à polícia que asfixiou bebê e o jogou na lixeira
(Foto: Márcio Barros/Rede Massa)

A Polícia Civil de Pinhais, divulgou nesta manhã (19), que o caso do bebê que foi jogado na lixeira com cordão umbilical e placenta, foi elucidado e a responsável foi presa.

De acordo com informações do delegado Vitor Dutra, a polícia chegou até a acusada, identificada como Camila de Souza Maciel, de 21 anos, após o recebimento de denúncia. À polícia a mulher confessou que matou a criança por asfixia. Ainda segundo o delegado, a jovem é casada, mas escondia a gravidez. A mulher segue detida na Penitenciária Feminina em Piraquara. “Ela está sendo submetida a exames de sanidade mental”, contou.

Relembre

O caso foi registrado no dia 3 de maio, quando um bebê de nove meses de gestação, com cordão umbilical e placenta, foi encontrado morto, jogado em uma lixeira. O bebê foi encontrado pelo condutor do caminhão de coleta de lixo.

Colaboração Paula Caroline Schreiber