26°
Máx
19°
Min

Mulher sofre aborto após acidente de trânsito

Foto: Divulgação Família - Mulher sofre aborto após acidente de trânsito
Foto: Divulgação Família

Um acidente de trânsito em Maringá, na madrugada de sábado (12), provou o aborto de uma jovem de 21 anos, grávida de oito meses.

O caso vai ser investigado pela polícia, já que logo após a batida, o motorista do carro teria deixado o local do acidente.

A gestante era condutora de uma motocicleta Honda Biz e levava na garupa uma amiga que teria discutido com uma jovem que estava no carro, envolvido no acidente de trânsito.

A batida aconteceu nas proximidades a Avenida Colombo com a Pedro Taques, no Jardim Alvorada. No veículo Golf estavam cinco pessoas, entre elas, três mulheres.

Segundo cotaram testemunhas, a motociclista teria esbarrado o guidão, no veículo, causando o acidente. No entanto, a versão ainda será apurada, já que ela perdeu a criança que esperava.

Um dos fatores que será levado em consideração é a discussão anterior entre as passageiras de ambos os veículos.

Ainda conforme informações repassadas à polícia, o motorista do carro, teria parado no local e ao perceber que as vítimas estavam aparentemente sem ferimentos, foi embora.

As jovens foram socorridas pelo Siate e levadas ao hospital. Ainda na madrugada a gestante sofreu o aborto.

Ao saber do ocorrido, o condutor do veículo Golf se apresentou na delegacia e prestou depoimento. Ele negou que tenha causado o acidente, mas confirmou a desavença entre as duas mulheres.

Depois de ser ouvido, o rapaz foi liberado. O pai da criança está revoltado com o ocorrido. O bebê era um menino e o chá de fraldas dele seria realizado neste domingo (13).

O caso segue em investigação.