22°
Máx
17°
Min

Ocupação nas escolas provoca cancelamento dos Jogos Abertos do Paraná

Informação foi confirmada em coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira (Foto: Divulgação) - Ocupação nas escolas provoca cancelamento dos Jogos Abertos do Paraná
Informação foi confirmada em coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira (Foto: Divulgação)

Nesta quarta-feira (19), a Secretaria de Estado de Esporte e Turismo do Paraná realizou uma coletiva de imprensa no Ginásio Municipal Joaquim Prestes, para anunciar o cancelamento dos Jogos Abertos do Paraná, que começariam nesta sexta-feira (21).

“Infelizmente estamos cancelando esse evento que é tão importante para o desenvolvimento do esporte e gerador de emprego e renda. Realizamos os jogos todos os anos e agora estamos nesta ingrata situação da ocupação das escolas estaduais que impossibilitam a realização desta edição”, comentou o coordenador de esporte e rendimento da Secretaria de Estado, José Alberto de Campos.

O coordenador também informou que até ontem, os alunos das escolas ocupadas estavam dispostos a ceder os espaços das escolas para os atletas. “Precisávamos de 2.200 leitos para abrigar os atletas dos 63 municípios participantes. Os espaços municipais têm estrutura de 1.200 vagas e necessitamos dos espaços das escolas estaduais para conseguir atender a demanda. Mas em reunião com os alunos ontem, eles voltaram atrás e preferiram não abrir estes espaços para os atletas. Ainda buscamos alternativas, como o Cedeteg, mas ele também foi ocupado nessa terça-feira e ficamos sem escolhas”, reiterou José Alberto.

“Precisávamos de 2.200 leitos para abrigar os atletas dos 63 municípios participantes. Os espaços municipais têm estrutura de 1.200 vagas e necessitamos dos espaços das escolas estaduais para conseguir atender à demanda"

O Secretário Executivo da Prefeitura de Guarapuava, Celso Góes, também lamentou o cancelamento. “Nos preparamos muito para sediar os Jogos Abertos. Realizamos as reformas necessárias nos espaços físicos e estávamos com uma ótima expectativa para o evento. A realização dos Jogos movimentaria o comércio, rede hoteleira e geraria empregos diretos na nossa cidade”, disse.

Ao final da coletiva, o coordenador José Alberto agradeceu a parceria com a Prefeitura e disse que Guarapuava mostrou que estava preparada para receber os atletas, técnicos e árbitros. “A Prefeitura buscou esse evento desde o ano passado e estava tudo perfeito. Já tínhamos feito as vistorias nas estruturas e a cidade estava pronta para nos receber. Mas as portas para que Guarapuava seja novamente sede dos jogos seguem abertas”, finalizou José Aberto.

Escolas ocupadas

Na última atualização do movimento Ocupa Paraná, divulgada na manhã desta quarta-feira (19), a cidade de Guarapuava aparecia com 17 instituições estaduais ocupadas. Veja abaixo a lista dos estabelecimentos:

  • C.E. Alba Keinert
  • C.E. Antônio Tupy Pinheiro
  • C.E. Bibiana Bitencourt
  • C.E. Cezar Stange
  • C.E. Dom Pedro I
  • C.E. Dulce Maschio
  • C.E. Francisco Carneiro Martins
  • C.E. Heitor Rocha Kramer
  • C.E. Leni Marlene Jacob
  • C.E. Liane Marta da Costa
  • C.E. Mahatma Gandhi
  • C.E. Manoel Ribas
  • C.E. Newton Felipe Albach
  • C.E. Padre Chagas
  • C.E. Padre Honorino
  • C.E. Professor Pedro Carli
  • C.E. Visconde de Guarapuava

Colaboração Assessoria de Imprensa.