24°
Máx
17°
Min

Operação fiscaliza farmácias de Curitiba

(Foto: Alex Silva / Rede Massa) - Operação fiscaliza farmácias de Curitiba
(Foto: Alex Silva / Rede Massa)

Treze farmácias de Curitiba foram fiscalizadas na manhã desta quarta-feira (4) pela Polícia Civil, durante uma operação contra uma quadrilha que atua no roubo de cargas de remédios. Duas pessoas foram detidas.

Em uma das farmácias, localizada na Vila Osternack, os policiais encontraram um lote de medicamentos roubados. O proprietário e o gerente foram conduzidos coercitivamente a prestar depoimento.

As investigações começaram a partir de uma vistoria nas distribuidoras e a destinação dos lotes às farmácias. Os policiais desconfiaram de grandes pedidos feitos por alguns estabelecimentos.

De acordo com a polícia, o alvo principal da quadrilha é uma distribuidora de medicamentos de Santa Catarina, que atende várias farmácias de Curitiba, fato que chamou a atenção dos bandidos.

“Eles revendiam os remédios mais baratos para os receptadores”, explicou o delegado-titular da DFRC, Rafael Viana. “Qualquer remédio que esteja na prateleira à venda, sem nota fiscal, pode ser fruto de roubo ou desvio de carga”, completou. Além disso, funcionários das farmácias também participavam do esquema informando sobre carregamentos considerados valiosos para serem assaltados.

A polícia estima que o esquema causou prejuízo de R$ 5 milhões neste ano. Os detidos irão responder por roubo e associação criminosa. As demais farmácias vistoriadas são dos bairros Alto Boqueirão, Fazendinha, Sitio Cercado e Umbará.

Colaboração Polícia Civil