26°
Máx
19°
Min

Operação policial busca 35 pessoas monitoradas por tornezeleiras eletrônicas

(Foto: Arquivo - Jonas Oliveira/ AENPr) - Operação policial busca 35 pessoas monitoradas por tornezeleiras eletrônicas
(Foto: Arquivo - Jonas Oliveira/ AENPr)

A Secretaria de Estado da Segurança Pública deflagrou, na manhã desta segunda-feira (18), a operação “GPS”, na qual busca 35 pessoas monitoradas por tornozeleiras eletrônicas e que estariam cometendo infrações, como o desligamento do equipamento, o que é proibido. Os alvos da operação estão sendo procurados por policiais civis e militares em Curitiba e seis cidades do interior do estado.

A polícia suspeita de que alguns dos monitorados desligam ou deixam de recarregar as tornozeleiras de forma proposital para cometer delitos neste período. Quando isto acontece, o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) recebe um sinal indicando o rompimento ou desligamento da tornozeleira. Os agentes entram em contato com o monitorado para que o equipamento seja corretamente usado.

A maioria dos alvos da operação foi presa pela prática de roubo e recebeu da Justiça o benefício da tornozeleira eletrônica. Com a comprovação das infrações, os detentos perdem o benefício e têm regressão no regime prisional.

A operação é coordenada pelo CICC, com apoio das Polícias Civil e Militar e do Departamento de Execução Penal (Depen). Mais informações serão repassadas pela secretaria ainda nesta segunda-feira.

Colaboração Secretaria de Estado da Segurança Pública