26°
Máx
19°
Min

Palestra na ExpoLondrina aborda revolução tecnológica no agronegócio

(foto: Pìxabay) - Palestra na ExpoLondrina aborda revolução tecnológica no agronegócio
(foto: Pìxabay)

Está marcada para as 8h de sexta-feira (8) no auditório Milton Alcover, durante a ExpoLondrina 2016, a palestra "Agronegócio na Era do Conhecimento", com o especialista em tecnologia voltada para o agronegócio, Dr. Tsen Chung Kang. O evento é organizado pela Cooperativa Integrada e Sociedade Rural do Paraná, com apoio da Seab, Emater e Apex Brasil.

"O agronegócio está passando por uma revolução tecnológica nos últimos anos e as novas ferramentas disponíveis no mundo digital podem ajudar nossos produtores a melhorar a produtividade agrícola", destaca o presidente da Integrada, Jorge Hashimoto.

Professor da Faculdade de Tecnologia de São Paulo (Fatec), Tsen Kang irá abordar as novas tecnologias digitais relacionadas principalmente aos sistemas de Big Data e Analitics, que fornecer informações e conhecimento importantes para a agricultura. Para o especialista, a tecnologia da informação é algo do passado, já que hoje o que importa é o conhecimento sobre o que está sendo trabalhado. Segundo ele, o conhecimento é que movimentará o mundo daqui por diante e não mais a informação. “O que o agricultor mais necessita é do conhecimento sobre o mercado, sua produção, sua fazenda e sua região”, observa.

Segundo o professor, não adianta mostrar apenas as informações de que a planta está doente, por exemplo, pois é necessário que o produtor saiba que tipo de doença atingiu a sua lavoura, como a doença foi contraída, qual o remédio deve ser aplicado, a dosagem, em que condições, quando deve ser aplicado, quais as peculiaridades desta aplicação, entre outras informações cruciais que irão solucionar o problema.

No novo modelo de tecnológico, Tsen Kang observa que os dados necessitam ser coletados no local e com um profissional que conheça a realidade daquela região. O especialista observa que o conhecimento está relacionado diretamente aos bons índices de produtividade.

Kang salienta que ferramentas de IoT. Big Data e Analytics (Google Analytics, SAP Hana, IBM BlueMix, Cloudera, etc...) existem, mas ainda são muito pouco aplicadas na agricultura. Um dos motivos, aponta ele, é que existe ainda muito pouco dado disponível, e os que existem geralmente são dados de equipamentos (tratores, colheitadeiras, pulverizadores, adubadoras, entre outros). De acordo com o especialista, são necessários mais dados de campo, principalmente aqueles relacionados às plantas.

Serviço

Agronegócio na Era do Conhecimento

Palestra sobre novas tecnologias digitais

Palestrante: Tsen Chung Kang

Data: 8 de abril

Horário: a partir das 8h

Local: Auditório Milton Alcover

Organização: Integrada Cooperativa Agroindustrial e Sociedade Rural do Paraná

Apoio: Seab, Emater e Apex

(com assessoria de imprensa da Sociedade Rural do Paraná)