28°
Máx
17°
Min

Para participar da manifestação, algumas pessoas tiveram que “dar um jeitinho”

Para participar da manifestação, algumas pessoas tiveram que “dar um jeitinho”

Para a manifestação deste domingo (13), muitas pessoas tiveram que “dar um jeitinho” para conseguir estar no protesto. Uma delas é a aposentada Maria Aparecida Quintilhano, que teve de apurar os afazeres de casa para conseguir ir para a rua.

Ela afirmou que acordou cedo, arrumou a casa e adiantou o almoço para chegar ao centro de Curitiba a tempo. Além disso, Maria Aparecida afirmou que não tem medo nenhum de participar da mobilização. “Nunca temi esse possível conflito que poderia acontecer. Viria de qualquer jeito e aqui estou.”

Dona Maria Aparecida Quintilhano participa de manifestação em Curitiba (Foto: Joyce Carvalho / Massa News)

Ela afirmou que ir para a rua, no momento em que passa o Brasil, é a única saída. “Vir para rua protestar e demonstrar a nossa insatisfação é a única alternativa.  Se a gente não fizer isso, nada vai mudar”, explicou a aposentada.