24°
Máx
17°
Min

Paraná registra aumento no número de mortes causadas pela dengue

(Foto: Venilton Kuchler / ANPr) - Paraná registra aumento no número de mortes causadas pela dengue
(Foto: Venilton Kuchler / ANPr)

A Secretaria Estadual de Saúde confirmou que seis pessoas morreram por causa da dengue desde a última semana no Paraná. As mortes aconteceram em Paranaguá (2), Foz do Iguaçu (2), Santa Helena (1) e Medianeira (1). Os dados estão no Boletim da Dengue, divulgado nesta terça-feira (19).

Além das mortes, o Paraná registrou um grande aumento no número de casos confirmados de dengue no estado. Desde a semana passada, 9.657 novas ocorrências foram registradas. No último boletim, o aumento tinha sido de 2.938 casos. Ao todo, desde agosto de 2015, quando o boletim começou a ser realizado, foram registradas 34.050 ocorrências.

O município de Paranaguá, no litoral do estado, lidera “com folga” a lista dos municípios com mais casos de dengue confirmados no Paraná. Ao todo, são 12.841 registros da doença na cidade, contra 5.211, em Foz do Iguaçu, que ocupa a segunda posição. Além disso, Paranaguá também lidera o número de mortes causadas pela doença. São 25 óbitos registrados no município.

A lista dos municípios em situação de epidemia de dengue no Paraná também subiu. Jardim Olinda, Santo Antônio do Caiuá, Cambé e São Sebastião de Amoreira agora fazem parte das 56 cidades epidêmicas do estado. Ao todo, o número de municípios com casos confirmados de dengue no Paraná chegou a 301 neste boletim.

Já o Zika Vírus registrou um aumento menor do que nas últimas semanas no Paraná. Foram três novos casos confirmados, totalizando 248 ocorrências. Destas, 22 foram registradas em gestantes. Apenas um novo caso de Febre Chikungunya foi registrado no estado. Ao todo, 50 casos da doença já foram confirmados no Paraná.