27°
Máx
13°
Min

Parceria entre TCE e Detran vai possibilitar fiscalização mais rígida de frota pública

(Foto: Divulgação/TCE) - Parceria entre TCE e Detran vai aumentar fiscalização de frota pública
(Foto: Divulgação/TCE)

Uma parceria entre o Tribunal de Contas do Paraná com o Departamento de Trânsito do estado (Detran) vai possibilitar uma fiscalização mais rígida de veículos utilizados pelo poder público. Nesta quinta-feira (7), o Tribunal anunciou que vai integrar o banco de dados com o Detran, possibilitando o compartilhamento de informações sobre estes veículos.

Com isso, segundo o TCE, “será possível identificar indícios de enriquecimento ilícito de agentes públicos e a declaração incorreta dos automóveis”. "O cruzamento de informações vai multiplicar as possibilidades de identificação de falhas e irregularidades no registro da frota de veículos dos entes e órgãos fiscalizados, ajudando-nos a evitar o desperdício do dinheiro público", afirmou o presidente do Tribunal, conselheiro Ivan Bonilha.

 Com os detalhes, será possível confrontar as informações declaradas ao Tribunal, com aquelas existentes nos bancos de dados do Detran. Em eventuais divergências, o TCE vai desencadear operações de fiscalização. Entre as irregularidades que podem ser identificadas estão o cadastramento de veículos particulares na frota do poder público e ônus financeiros não declarados ao Tribunal.