26°
Máx
19°
Min

Pelo Whatsapp, rapazes tentam vender produtos furtados e acabam presos em Maringá

Acusados de comercializarem produtos furtados nas redes sociais, dois jovens foram presos no início da noite de segunda-feira (17), no Jardim São Silvestre, zona leste de Maringá. Pensando que iriam fazer um negócio, encontraram não um comprador, mas a Polícia Militar.

Uma vítima localizou um objeto seu em um grupo do Whatsapp e resolveu planejar uma armadilha. Ela negociou a suposta compra da mercadoria e marcou um encontro nessa segunda-feira, na Rua Euclides Gavioli.

Ao invés da compradora, quem apareceu foi uma equipe das Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam). Os dois rapazes levavam no carro um televisor, um videogame, um notebook, joias e não souberam informar a origem dos objetos.

Assim, foram encaminhados à 9ª Subdivisão Policial de Maringá para responder por receptação.

Colaboração Rogério Morais da Rede Massa