22°
Máx
16°
Min

PF cumpre reintegração de posse de casas no Residencial Sumatra em Apucarana

(Foto: Chuniti/Cohapar) - PF cumpre reintegração de posse de casas no Residencial Sumatra
(Foto: Chuniti/Cohapar)

Equipes da Polícia Federal e Caixa Econômica Federal cumpriram a reintegração de posse de nove casas do Residencial Sumatra, em Apucarana (a 63 quilômetros de Maringá), nesta terça-feira (3). A operação contou com o apoio da Polícia Militar e Guarda Municipal.

Na última semana, os moradores haviam recebido a determinação para deixar as casas, que estavam vazias nesta terça-feira. Porém, diversos móveis ainda estavam no local e foram levados por servidores da prefeitura até um barracão, catalogados, para que possam ser resgatados pelos donos.

O agente da Polícia Federal Rafael Augusto declarou que foi cumprida uma determinação da Justiça em virtude das casas terem sido ocupadas por pessoas diferentes das selecionadas pela Secretaria Municipal de Assistência Social. 

Segundo Augusto, a Polícia Federal apurou o caso por envolver recursos do governo federal do programa Minha Casa, Minha Vida. Ele também declarou que outras reintegrações podem ser determinadas, pois a investigação continua devido à chegada de novas denúncias.

Relen Alves é uma das moradoras que deixou as residências. Ela contou que pagou R$ 1,8 mil pelo imóvel e foi para a casa de um vizinho, pois não tem onde morar com seus filhos.

O procurador jurídico do município, Paulo Vidal, acompanhou a reintegração e disse que as famílias que deixaram o local devem se cadastrar para que possam ser beneficiadas por futuros empreendimentos de casas populares.

Há um ano aguardando a reintegração, Isabel da Silva foi uma das sorteadas para ganhar uma casa no Residencial Sumatra e se mudará já nesta terça-feira, com medo de ter o imóvel novamente ocupado. Ela declarou está muito feliz por ter sua casa própria.

Colaboração Sílvia Vilarinho da Rede Massa