21°
Máx
17°
Min

PM está preocupada com aumento de roubos de celular e emite alerta

Ladrões se aproveitam de distração e roubam rapidamente telefones (Foto: Pixabay) - PM está preocupada com aumento de roubos de celular e emite alerta
Ladrões se aproveitam de distração e roubam rapidamente telefones (Foto: Pixabay)

O 8º Batalhão da Polícia Militar, que tem sede em Paranavaí, está preocupado com o alto número de roubos de celulares que vem sendo registrado. Nessa quinta-feira (11), mais um caso aconteceu, no município de Nova Esperança, onde um adolescente foi flagrado com um telefone subtraído no mês de maio.

Uma denúncia anônima chegou até a Polícia Militar dando conta de adolescentes consumindo drogas em um endereço. Durante a abordagem, entorpecentes não foram encontrados, mas um dos garotos levava um celular roubado no dia 2 de maio deste ano. O telefone foi identificado por meio do número IMEI, espécie de ‘impressão digital’ dos celulares.

A Polícia Militar pede atenção das pessoas, pois celulares têm sido o principal alvo de bandidos em vias públicas. Orienta-se que a população denuncie os bandidos e pessoas suspeitas vendendo celulares de origem duvidosa.

Dicas de segurança

  • Não andar sozinho à noite ou em lugares sem movimentação de pessoas de forma displicente.
  • Ao usar o aparelho celular, ter atenção ou tentar evitar seu uso em vias públicas, pois esse cuidado poderá prevenir a ação de pessoas mal-intencionadas que esperam uma oportunidade fácil para cometer o delito.
  • Ficar atento. Normalmente a ação do criminoso é muito rápida, pois eles utilizam meios de locomoção que permitem maior agilidade, como bicicleta e motos, pegando a vítima desprevenida na maioria das vezes.
  • Quando existir suspeita da iminência ou quando ocorrer o crime, é necessário que a pessoa avise a Polícia Militar pelo número 190 o mais rápido possível, repassando as características dos indivíduos para que os mesmos sejam localizados.
  • É importante que os celulares estejam cadastrados e atualizados por meio de aplicativos de rastreamento para facilitar sua localização. Hoje há inúmeros aplicativos que facilitam o rastreamento que podem ser baixados nos celulares.
  • Nas ocorrências de roubo, a Polícia Militar tem dificuldades para localizar o aparelho, pois a vítima esquece a senha do e-mail usada para entrar no “Google Play” ou de acesso ao sistema Android do celular. O ideal é que a pessoa mantenha essa senha anotada em local seguro.
  • O proprietário do celular precisa ter anotado em local seguro o número do IMEI ou guardar a caixa do aparelho. Essa informação vem na caixa e pode ser incluído na nota fiscal no momento da aquisição, ou ainda, digitando no teclado do aparelho *#06#. Com o número do IMEI é possível bloquear o aparelho ligando para a operadora e ainda repassar para polícia fazer as diligências.

Colaboração Assessoria de Imprensa