28°
Máx
17°
Min

PM faz operação contra ‘baderneiros’ na área central de PG

Ação foi desencadeada nos principais pontos onde ocorrem situações de perturbação do sossego (Foto: Divulgação / PM) - PM faz operação contra ‘baderneiros’ na área central de PG
Ação foi desencadeada nos principais pontos onde ocorrem situações de perturbação do sossego (Foto: Divulgação / PM)

Dezenas de policiais militares e guardas municipais foram às ruas neste fim de semana para coibir casos de perturbação de sossego em diversas regiões de Ponta Grossa. Chamada de “Operação Sossego em Ponta Grossa”, a ação foi realizada nas noites de sexta (19) e sábado (20) com abordagens a carros e pessoas nos principais pontos onde ocorre gritaria, algazarra e som alto.

Foram realizados diversos arrastões e batidas em estabelecimentos comerciais, veículos e locais com grande aglomeração de pessoas, como é o caso de um posto de combustíveis localizado na Rua Balduino Taques, na esquina com a Rua Saldanha Marinho.

Durante os dois dias de operação, mais de 520 pessoas foram abordadas e revistadas, 78 veículos foram parados em blitze e 17 locais de grande concentração de pessoas foram vistoriados, como bares e ruas como a Riachuelo, ao lado da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), onde é constante o movimento de pessoas no meio da rua ingerindo bebidas alcoólicas. Duas pessoas foram levadas até o cartório da PM para assinarem o termo circunstanciado por desobediência.

“É importante se destacar que a perturbação do trabalho ou do sossego alheio é uma infração penal. No entanto, a educação e o respeito são essenciais para dirimir esta problemática, não dependendo apenas da imposição da lei pelos órgãos policiais. A consciência de cidadania proporciona melhor qualidade de vida e evita conflitos que possam gerar crimes mais graves”, destaca o comunicado emitido pela PM.

Colaboração Assessoria de Imprensa.